Home: Parque Tecnológico de Sorocaba
Blog da Inovação

O melhor conteúdo sobre Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação


Aplicativos criados no PTS serão entregues à prefeita na segunda-feira

Data: 28/02/2020

Os aplicativos criados durante a segunda edição do Coworking Universidades, programa mantido pelo PTS (Parque Tecnológico de Sorocaba), serão apresentados e entregues oficialmente à prefeita Jaqueline Coutinho, nesta segunda-feira (2 de março). A solenidade, marcada para as 9h, será no sexto andar do Paço e deve reunir secretários municipais e outras autoridades. O presidente do PTS, Roberto Freitas, explica que os aplicativos, desenvolvidos por cem estudantes de diversas universidades locais, têm como objetivo beneficiar o Poder Público visando a melhor prestação de serviço interno ou o atendimento direto à população. São quatro no total e de diversos segmentos como: educação, administração, esporte e lazer. Um deles é o Sistema de Gestão Predial, ferramenta que melhora a gestão na manutenção dos imóveis que são pertencentes ao município. O outro é o Caderno Digital, ferramenta que controla as atividades em creches e que possibilita a melhor comunicação entre os gestores das unidades educacionais e os pais das crianças, incluindo caderneta de recados e atividades. Também será entregue a súmula eletrônica, que tem como objetivo possibilitar a divulgação mais eficiente dos resultados dos campeonatos de futebol organizados, ao longo do ano, pela Secretaria Municipal de Esporte e Lazer. O quarto e último deste momento é o novo site da Uniten (Universidade do Trabalhador Empreendedor e Negócios) – instituição sem fins lucrativos que oferece cursos de graça às pessoas, priorizando aquelas que se encontram desempregadas – que permite matrículas por meio eletrônico. TERCEIRA EDIÇÃO A terceira edição do Coworking Universidades já está selecionando estudantes das faculdades existentes na Região Metropolitana de Sorocaba. Conforme o diretor-executivo do Parque Tecnológico, Flávio Guerhardt, o projeto é voltado a alunos dos cursos de análise e desenvolvimento de sistemas, engenharia da computação, rede de computadores, jogos digitais, ciência da computação, sistemas de informação, administração, saúde e outros. “Nosso objetivo é integrar os estudantes e proporcionar a eles treinamento intensivo por quatro meses em diferentes áreas”, conclui.
Veja Mais

Parque Tecnológico marca para abril a primeira missão ao Vale do Silício

Data: 27/02/2020

Depois de meses de trabalho, o PTS (Parque Tecnológico de Sorocaba) marcou para 24 de abril a primeira missão ao Vale do Silício, maior epicentro da inovação mundial. O objetivo é abrir as portas do mercado exterior aos empreendedores da Região Metropolitana de Sorocaba. O presidente do PTS, Roberto Freitas, explica que os pacotes, que começam a ser comercializados nesta sexta-feira (28), incluem passagens aérea, acomodação, transporte terrestre, visitas nas grandes empresas e universidades, palestras, curso e networking. “Nossa proposta é oferecer oportunidade às pessoas que desejam conhecer esse ecossistema disruptivo pagando apenas o custo”, diz. A Missão Silicon Valley, como foi batizada, será de 24 de abril a 2 de maio no estilo mochila nas costas, percorrendo São Francisco em busca de conhecimento. “Temos apenas 14 vagas com valores muito, mas muito abaixo daqueles praticados pelo mercado”, afirma Roberto Freitas. Localizado nos Estados Unidos, o Vale do Silício abriga as principais empresas globais de tecnologia, entre elas Apple, Facebook, Google, NVidia, Electronic Arts, Symantec, AMD, Ebay, Yahoo!, HP, Intel e Microsoft, Adobe, Oracle, Pinterest, Udemy, Udacity, Tesla, Aibnb, Ebay, Evernote, Twitter, Linkedin Plug and Play Tech Center, PayPal e Cisco. “Teremos visitas monitoradas a pelo menos três dessas grandes corporações com, no mínimo, 30 minutos”, adianta o presidente do PTS. Além disso, outra proposta é oferecer palestras e encontros com empreendedores, investidores e profissionais ligados à inovação e que estão instalados no Vale do Silício. “Teremos ainda visitas culturais em locais que valorizam a inovação e a tecnologia, como CafeX, Apple Visitor Center, Amazon Go, Computer History Museum Nasa’s, Steve’s Job Garage, entre outros”, acrescenta Roberto Freitas. A Missão Silicon Valley faz parte do projeto de internacionalização de empresas que o Parque Tecnológico de Sorocaba começou a tirar do papel no fim do ano passado. A finalidade é apresentar às startups locais as diversas maneiras de se fazer negócios com o mercado exterior. “É a oportunidade de o empreendedor de nossa região vivenciar a maior experiência em inovação da sua vida”, destaca o presidente do PTS. Mais informações podem ser obtidas em: @robertofreitassor ou pelo telefone: (15) 3316-2323. O PTS Com mais de 80 startups em processo de aceleração, o Parque Tecnológico de Sorocaba conta com oito laboratórios e cinco empresas de base tecnológica. O objetivo é disseminar a cultura da inovação e do empreendedorismo para o desenvolvimento sustentável na Região Metropolitana de Sorocaba, acelerando a transformação do conhecimento em riqueza, por meio da articulação entre poder público, instituições de ensino superior, setor empresarial e indústrias. Saiba mais em: www.parquetecsorocaba.com.br.
Veja Mais

PTS realiza a Copa Sorocabana de Foguetes em 14 e 15 de março

Data: 19/02/2020

O PTS (Parque Tecnológico de Sorocaba) agendou para 14 e 15 de março a realização da Copa Sorocabana de Foguetes 2020. A competição é voltada aos alunos de escolas de toda região e as inscrições devem ser feitas, até 28 deste mês, em: http://sorofog.com.br. O objetivo do evento é incentivar e preparar os estudantes da Região Metropolitana de Sorocaba a participarem, de forma lúdica, de atividades científicas. “Este tipo de atividade desperta a curiosidade do participante por ciências e motiva a busca por carreiras na área de letramento científico, que está crescendo atualmente”, comenta o presidente do PTS, Roberto Freitas. A Copa Sorocabana de Foguetes, que visa o maior envolvimento com atividades de pesquisa e com conceitos de aeronáutica, astronáutica e física, também incentiva o trabalho em equipe, oportunizando aos professores ou orientadores a trabalharem as habilidades socioemocionais do aluno. Durante a competição, os participantes têm de construir foguetes de garrafas PET. Vence aquele que alcançar a maior distância possível. Para isso, devem saber quais variáveis explorar durante o lançamento, pesquisar conceitos de aerodinâmica e realizar muitos outros testes. Popularizada no Brasil por eventos como a Mobfog (Mostra Brasileira de Foguetes) e Jornada de Foguetes, a Copa Sorocabana distribui R$ 5 mil em premiação e conta também com diversas palestras, entre elas a já confirmada com o coordenador da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica e doutor em astronomia pela USP, João Canalle. A competição será disputada nas modalidades água (voltada àqueles que estão cursando o ensino fundamental) e vinagre (alunos dos ensinos médio ou técnico). SERVIÇO Copa Sorocabana de Foguetes Quando: 14 e 15 de março de 2020 Onde: Parque Tecnológico de Sorocaba – Avenida Itavuvu, 11.777, Jardim Santa Cecília Inscrições até 28 de fevereiro em: http://sorofog.com.br Mais informações: http://sorofog.com.br
Veja Mais

Legislação estadual e municipal para startups é tema de palestra no PTS

Data: 17/02/2020

O advogado Arthur Braga Nascimento volta ao PTS (Parque Tecnológico de Sorocaba), na noite desta quinta-feira (20), para ministrar uma palestra em que pretende abordar as diferentes esferas da legislação federal, estadual e municipal que podem favorecer as startups. O evento é de graça e as inscrições devem ser feitas em: https://www.sympla.com.br/legislacao-federal-estadual-e-municipal-para-startups__788527. Quais os benefícios de se formalizar, quais são os incentivos para a desburocratização de empresas por meio de novas leis e que direitos essas leis garantem são alguns tópicos a serem abordados na palestra voltada a todos os interessados, explica o presidente do PTS, Roberto Freitas. Arthur Braga Nascimento esteve, recentemente, no Parque Tecnológico falando sobre temas que colaboram para o crescimento de startups, pois é especialista em contratos e apoio às empresas inovadoras. Também é sócio do BNZ Advogados, coordenador do BNZ Innovation e diretor jurídico do Mithub e Arena Hub. O palestrante foi presidente da Comissão de Startups da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) de São Paulo no período de 2017 a 2019 e coordenador do Legaltalks do Ibmec/SP. Atualmente é mentor no Eretz, We Work Labs e Inovabra Distrito e especialista em venture capital pela Universidade de Berkeley. SERVIÇO Palestra “Legislação Estadual e Municipal para Startups”, com Arthur Braga Nascimento Quando: Nesta quinta-feira, 20 de fevereiro Horário: 19h Local: Parque Tecnológico de Sorocaba – Avenida Itavuvu, 11.777, Jardim Santa Cecília Inscrições: https://www.sympla.com.br/legislacao-federal-estadual-e-municipal-para-startups__788527 Informações: (15) 3316-2323 De graça
Veja Mais

Programa de aceleração de startups do PTS bate recorde de inscritos no Estado

Data: 13/02/2020

O Startup SP, programa de desenvolvimento de startups digitais realizado pela parceria PTS (Parque Tecnológico de Sorocaba) e Sebrae, teve 47 inscritos, superando outros grandes centros de inovação do Estado de São Paulo, como Campinas, São Bernardo do Campo, São José dos Campos e São José do Rio Preto. Para a analista de negócios sênior do Sebrae Sorocaba, Malú Salem, o número recorde de interessados demonstra que as atividades de fomento ao empreendedorismo, desenvolvidas pelo Parque Tecnológico, por entidades e instituições de ensino, ganham força ano após anos. Ela explica que, dos 47 inscritos, 30 foram selecionados para encarar uma banca avaliadora na próxima segunda-feira (17), durante todo o dia, no PTS. A intenção é iniciar o programa, na primeira semana de março, com 20 startups. O presidente do Parque Tecnológico, Roberto Freitas, também se surpreendeu com o número de inscritos. Segundo ele, o recorde demonstra que o município tem vocação para o empreendedorismo. “Essas empresas geram emprego e renda”, afirma. “Tenho certeza que as selecionadas, no futuro, vão aquecer a economia e o mercado de trabalho da região.” As startups pré-selecionadas são dos segmentos de agronegócios, cidades inteligentes (serviços para facilitar a vida do munícipe), eventos, games, inteligência artificial, entre outras. “São negócios de grande potencial de desenvolvimento social e econômico, mas que precisam deste programa de aceleração que disponibilizamos para se desenvolverem”, explica. De março a julho, o Startup SP vai oferecer conteúdos como: comportamento empreendedor, modelagem de negócios, validação, design sprint, vendas, marketing digital e captação de investimento. Os participantes ganham acesso a mentorias, workshops, cursos e ao bootcamp (campo de treinamento) na Escola de Negócios do Sebrae, em São Paulo. O programa será realizado pelo quarto ano consecutivo no PTS. Nas edições passadas, mais de 40 startups foram aceleradas e, em seguida, classificadas entre as dez mais importantes do Brasil nas áreas de Indústria 4.0 e Internet das Coisas (IOT). Entre elas, estão a Birmind e a Prognosys. “Atualmente, o mercado de tecnologia vem revolucionando diversos setores da economia, inclusive com soluções nas áreas de saúde, educação e indústria”, acrescenta Roberto Freitas. O Startup SP é realizado em diversos polos de inovação do Estado e na Capital. No entanto, a edição de Sorocaba possui várias ações complementares de suporte ao empreendedor, oferecidas por meio da parceria entre o Sebrae e o Parque Tecnológico.
Veja Mais

Empreendedora sorocabana cria startup da área de saúde depois de problema com o filho

Data: 11/02/2020

A empreendedora Ilma Laurindo, 45 anos, responde pela administração e pela gerência comercial da D’Era Saúde, startup criada no início do ano passado e que tem como finalidade conectar, de forma simples, médicos a pacientes, garantindo o direito à saúde com qualidade e preço acessível. Incubada no PTS (Parque Tecnológico de Sorocaba) desde agosto de 2019, a D’Era Saúde possui, atualmente, 80 médicos credenciados e oferece mais de 1.700 tipos de exames laboratoriais e de imagem. O crescimento da startup impressiona – beira os 30% ao mês –, tanto que a meta de Ilma é expandir os negócios para outras dez cidades da Região Metropolitana de Sorocaba. A ideia de criar a empresa surgiu há quase três anos, depois de a empreendedora passar por um trauma familiar. Na época ela tinha uma carreira estável na iniciativa privada, mas o filho a fez repensar os planos para o futuro. “Uma noite acordei com meu filho passando mal. Ele não conseguia respirar. Fazia um barulho horrível tentando puxar o ar. Foi assustador e desesperador”, lembra. O trajeto da casa onde mora até a unidade de saúde é de meia hora. “Uma eternidade dada a gravidade daquilo que meu filho estava sentindo”, diz. No hospital o atendimento foi imediato, a criança foi diagnostica com uma grave crise respiratória e recebeu todos os atendimentos necessários. “Tudo acabou bem, mas eu comecei a pensar nas pessoas que não tem acesso à saúde e que morrem nas filas aguardando atendimento.” O problema do menino levou Ilma a estudar a situação da saúde do país e ela entendeu as dificuldades que existem do lado do paciente e também do lado médico. “Vi a oportunidade de fazer chegar à população serviços de saúde de qualidade, com agilidade e preços justos”, conta. “Foi assim que surgiu a D’Era Saúde.” A startup não cobra mensalidade. Aqueles que a procuram arcam apenas com os custos que, conforme Ilma, “são bem acessíveis”. Os serviços podem ser contratados pelo site www.derasaude.com.br – o interessado deixa o contato, indica aquilo que precisa e os atendentes retornam para o agendamento – ou pelo WhatsApp (15) 99160-6880. IMPORTÂNCIA DO PTS A empreendedora reconhece a importância do Parque Tecnológico de Sorocaba para o desenvolvimento e a expansão da D’Era Saúde. O ciclo de aceleração oferecido fez a sua startup ter um posicionamento diferente no mercado. “Além disso, temos à disposição a excelente infraestrutura do PTS, mentores conceituados e treinamentos que nos permitem tomar decisões assertivas e adequadas a cada momento vivenciado pela empresa”, afirma. Ilma Laurindo reconhece ainda a importância do Startup SP – maior programa de desenvolvimento de startups do Estado de São Paulo –, que será realizado, pelo quarto ano seguido, por meio da parceria entre Parque Tecnológico de Sorocaba e Sebrae. A CEO da D’Era Saúde explica que participar do Startup SP validou a ideia de criar a empresa. “Foram quatro meses intensos e, no fim, soubemos que a oportunidade de negócio que estávamos criando teria aceitação no mercado”, recorda. “Hoje, a D’Era Saúde possibilita que pessoas que não tem convênio médico, que dependem do SUS ou que não podem pagar por uma consulta, sejam atendidas em clínicas e laboratórios particulares, acesso este que não seria possível no modelo atual da saúde.” PLANOS PARA O FUTURO O agendamento na D’Era Saúde, que hoje é feito por meio do site – que será aperfeiçoado devido ao grande número de acessos – e do WhatsApp, em breve também será por aplicativo. “Assim poderemos dar atenção àqueles que querem um atendimento mais humanizado e àqueles que são mais ligados em tecnologia”, justifica Ilma Laurindo. O Wallet Poupança Médica – uma espécie de reserva financeira a ser utilizada quando houver a necessidade – é outra promessa para este ano. “O Wallet vai possibilitar que as micros e pequenas empresas levem aos seus colaboradores serviços de saúde a preços competitivos”, diz. Ilma Laurindo vê a D’Era Saúde como o elo entre os pacientes e os serviços de médicos, laboratórios e diagnósticos por imagem. “Nossa pretensão é estender os serviços para farmácias e odontologia”, adianta. “Aprendemos um pouco mais a cada atendimento: sobre as necessidades dos pacientes e dos médicos que se credenciam na nossa solução. Nos preocupamos em atender, cada vez mais, com qualidade. O que queremos é evoluir dia a dia”, conclui a empreendedora.
Veja Mais

Parque Tecnológico é sede de evento sobre a Indústria 4.0 nesta terça-feira

Data: 10/02/2020

O PTS (Parque Tecnológico de Sorocaba) será sede de um fórum sobre a Indústria 4.0 que a Amcham Campinas promove nesta terça-feira (11), a partir das 8h30. As inscrições, que são de graça, devem ser feitas pelo site: https://www.amcham.com.br/campinas. O evento é voltado para executivos da região que têm interesse em se atualizar das inovações tecnológicas que facilitam e modernizam os processos operacionais e cases da jornada de 4.0. O presidente do PTS, Roberto Freitas, estará presente no fórum. As palestras ficarão sob a responsabilidade de: Ricardo Hirschbruch (presidente da ABB), José Borges Frias (diretor de estratégia, inteligência de mercado e business development na Siemens) e Claudio Castro (diretor de P&D América do Sul na Schaeffler). O evento abre a segunda edição da Missão Regional de Indústria 4.0 onde, durante três dias, serão realizadas várias atividades, entre elas visitas em fábricas inteligentes para entender o funcionamento de sistemas capazes de tomar decisões com base em dados, bem como discussões a respeito do futuro da produção industrial, dada otimização e disseminação da tecnologia de ponta. Conforme Roberto Freitas, o fórum no PTS vai tratar, entre outras coisas, das inovações tecnológicas que facilitam e modernizam os processos operacionais. “Será uma excelente oportunidade para gerentes, diretores e presidentes de indústrias e sócios de pequenas e médias empresas conhecerem a transformação digital que vem ocorrendo nas indústrias e nos processos fabris”, afirma. PROGRAMAÇÃO 8h30 – Boas-vindas e café da manhã 9h – Abertura 9h10 – Palestras de: Ricardo Hirschbruch, José Borges Frias e Claudio Castro 10h55 – Encerramento SERVIÇO Fórum Indústria 4.0 Quando: Nesta terça-feira, 11 de fevereiro Onde: Parque Tecnológico de Sorocaba – Avenida Itavuvu, 11.777, Jardim Santa Cecília Inscrições: https://www.amcham.com.br/campinas Mais informações com Nathália Cenciareli pelo e-mail [email protected] ou telefone (19) 2104-1292.
Veja Mais

Programa do PTS ajuda validar produtos e serviços de startups

Data: 10/02/2020

Startups de toda Região Metropolitana de Sorocaba têm a oportunidade de participar do Pré-Speed, programa de aceleração, desenvolvido pelo PTS (Parque Tecnológico de Sorocaba), cujo objetivo é validar e desenvolver produtos, serviços e processos. Com duração de dez semanas, o Pré-Speed começa já nesta quinta-feira (13). Os interessados devem fazer as inscrições e buscar mais informações pelos seguintes telefones: (15) 3416-6171 ou 3416-6182. “Muitas vezes criamos produtos e processos que, depois, não conseguimos validá-los e desenvolvê-los. É justamente para isso que o PTS possui este programa que ajuda a startup a alcançar outro nível”, explica o analista de aceleração do Parque Tecnológico, Vinícius Lisboa. Neste ano, o Pré-Speed terá: welcome day/canvas; revisão canvas e job to be done; validação pelo cliente; meetup; MVP e prototipagem; pitch e pitch awards. Tudo isso acompanhado de mentorias individuais com os analistas de aceleração. O programa dá o direito ao uso da infraestrutura do Parque Tecnológico, como coworking (24 horas por dia, de segunda a sexta-feira), sala de reuniões, internet, networking e trilha de conhecimento. Para mais informações: (15) 3416-6171 ou 3416-6182.
Veja Mais

Startup de Sorocaba desenvolve kits de robótica para escolas de todo o Estado

Data: 06/02/2020

Uma startup que está instalada no PTS (Parque Tecnológico de Sorocaba) desde novembro do ano passado é a responsável pela produção e a distribuição de kits de robótica para 16 escolas públicas do Estado de São Paulo. Trata-se da Pi Project Robótica e Automação, empresa que tem à frente o jovem empreendedor Lucas Piovani, 21 anos. Os negócios vêm dando tão certo que, no fim de janeiro, a startup teve a oportunidade de participar da Bett Show, maior evento de tecnologia em educação do mundo, realizado em Londres, Inglaterra. “Foi uma excelente oportunidade para troca de experiências e networking”, comenta Lucas. A Pi Project fabrica kits de robótica que são utilizados em sala de aula. São materiais didáticos que ensinam, passo a passo, alguns conceitos de lógica e programação. A startup também desenvolve o robô – com sensor, rodas, motor e outros aparatos – que os alunos aprendem a montar no decorrer das aulas. Lucas explica que o foco principal do kit de robótica é ajudar a criança a desenvolver o raciocínio lógico. “Isso faz com que o estudante não só entenda a robótica como o leva a pensar e a agir em diferentes situações do dia a dia”, acrescenta o jovem empreendedor. A Pi Project trabalha ainda com automação residencial e industrial. “Acender uma luz pelo celular ou por meio de uma central de inteligência artificial, por exemplo, são algumas das soluções que temos para residências”, detalha. “Já as empresas que se deparam com problemas na linha de produção, que envolvam a parte de programação ou robótica, podem nos procurar.” IMPORTÂNCIA DO PTS Lucas Piovani revela que o Parque Tecnológico de Sorocaba tem papel importante no desenvolvimento e na expansão da empresa. Segundo ele, o PTS, por meio do presidente Roberto Freitas, foi o principal apoiar do projeto que hoje está em 16 escolas do Estado. Ainda conforme Lucas, o Parque Tecnológico incentivou a participação da startup sorocabana na Bett Show, em Londres. “Fizemos contatos com representantes de grandes empresas do mesmo segmento e conhecemos diversos projetos que hoje movimentam a rede mundial da robótica”, comenta. O jovem empreendedor também trouxe da Inglaterra ideias que pretende implementar em Sorocaba. “Durante a Bett Show pudemos perceber que estamos no caminho certo. Muito do que produzimos aqui, também é produzido em outros países do mundo”, conta. “Este intercâmbio vai nos ajudar a aprimorar os nossos projetos.” BETT EDUCAR A experiência internacional motivou Lucas Piovani a participar da Bett Educar, evento que será realizado de 12 a 15 de maio, no Transamérica Expo Center, em São Paulo. “Em Londres estivemos como visitante, mas aqui no Brasil queremos expor os nossos produtos e soluções”, afirma. Considerada a maior feira de educação e tecnologia da América Latina, a Bett Educar reúne, todos os anos, cerca de 300 empresas nacionais e internacionais, mais de 20 startups do setor e cerca de 30 mil participantes da comunidade educacional de todos os estados brasileiros. O presidente do PTS, Roberto Freitas, explica que a finalidade do evento é discutir o futuro da educação e o papel que a tecnologia e a inovação desempenham na formação dos educadores e dos estudantes. “É muito gratificante saber que temos, dentro do nosso Parque Tecnológico, uma startup que está conectada a esta tendência”, finaliza.
Veja Mais

PTS trata a internacionalização de empresas com órgão de Hong Kong

Data: 04/02/2020

O presidente do PTS (Parque Tecnológico de Sorocaba), Roberto Freitas, se reuniu com representantes do Conselho de Desenvolvimento Comercial de Hong Kong para dar sequência ao projeto que prevê a internacionalização de empresas. Na ocasião, ele conheceu o plano de trabalho do órgão, já que pretende potencializar o desenvolvimento dos empreendedores da Região Metropolitana de Sorocaba. O encontro foi realizado, recentemente, em São Paulo, Capital, e Roberto Freitas voltou à cidade bastante entusiasmado com a possibilidade de oferecer missão internacional a Hong Kong. “A internacionalização de empresas, sejam daquelas que estão instaladas no Parque Tecnológico ou não, é uma das nossas metas de trabalho para este ano”, afirma. O Conselho de Desenvolvimento Comercial de Hong Kong, conhecido pela sigla HKTDC (Hong Kong Trade Development Council), em inglês, é representado no Brasil, há mais de 20 anos, por Marina Barros. É ela quem ajuda os empresários brasileiros a explorarem as oportunidades que o mercado asiático tem a oferecer. Estabelecido em 1966, o órgão possui 50 escritórios espalhados pelo mundo, sendo 13 deles no continente chinês e tem como propósito promover Hong Kong como o ponto de encontro de negócios, oferecendo diversos serviços para conectar empresas. Além disso, auxilia àqueles que têm interesse em exportar para o mercado asiático, dando a oportunidade de expor produtos e serviços nas feiras e eventos que promove. “As empresas brasileiras que participam desses eventos recebem incentivos como passagens aéreas, estadias em hotéis e outros benefícios que viabilizam a viagem”, acrescenta o presidente do PTS. Ainda conforme Roberto Freitas, Hong Kong possui atrativos interessantes para expositores internacionais. Por isso, o HKTDC organiza mais de 40 feiras de negócios por ano de diversos segmentos, como iluminação, eletrônicos, alimentos, joias, entre outros. O presidente do PTS ressalta que Hong Kong é um dos mais importantes centros financeiros do mundo. Com privilegiada posição e forte economia, baseada no livre comércio e na baixa carga tributária, atrai empreendedores de todos os países em busca de oportunidades na Ásia. Isso faz de sua moeda, o dólar de Hong Kong, a oitava mais negociada no mundo. “Para nós, brasileiros, não é exigido o visto de entrada no país”, complementa. O PROJETO O Parque Tecnológico de Sorocaba começou a focar no projeto de internacionalização de empresas no fim de 2019 quando trouxe o cônsul-honorário do Brasil em Orlando, Estados Unidos, Dr. Joel Stewart, para ministrar a palestra “Internacionalização de Empresas nos EUA: Oportunidades e Procedimentos”. Neste ano, Roberto Freitas já se reuniu com representantes do IBREI (Instituto Brasileiro de Desenvolvimento de Relações Empresariais Internacionais) e da CDLE USA-Brasil – organização formada por lojistas e empreendedores brasileiros com atuação nos Estados Unidos. “Ainda neste semestre, um dos nossos compromissos é organizar missão internacional para conhecer o Vale do Silício, local que abriga empresas como Apple, Facebook e Google”, finaliza.
Veja Mais

PTS faz parceria com o Instituto Êxito visando fomentar o empreendedorismo

Data: 31/01/2020

O PTS (Parque Tecnológico de Sorocaba) firmou parceria, nesta semana, com o Instituto Êxito, plataforma que oferece diversos cursos, de graça. O objetivo é fomentar o empreendedorismo na Região Metropolitana de Sorocaba, por meio de palestras, workshops, entre outras atividades.
Veja Mais

PTS será sede de congresso de energias renováveis em maio

Data: 29/01/2020

Profissionais, pesquisadores, empresários, professores e outros interessados têm até a próxima segunda-feira (3 de fevereiro) para se inscrever no 2º Coner (Congresso de Energias Renováveis), que será realizado no PTS (Parque Tecnológico de Sorocaba), no período de 19 a 22 de maio. Mais informações podem ser obtidas em: https://www.coner.com.br/.
Veja Mais

PTS promove palestra sobre gestão financeira em startups

Data: 24/01/2020

Economista e especialista em finanças, Maria Eugênia Faccio estará no PTS (Parque Tecnológico de Sorocaba) para ministrar a palestra “Gestão financeira em startups”. O evento, que é de graça, será nesta segunda-feira (27), às 19hs.
Veja Mais

Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais é tema de palestra no PTS nesta terça-feira
Sancionada em 14 de agosto de 2018, a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais será tema de palestra no PTS (Parque Tecnológico de Sorocaba) na noite desta terça-feira (21). Quem vai falar sobre o assunto é o advogado Arthur Braga Nascimento. O evento é aberto ao público em geral e as inscrições devem ser feitas em: https://www.sympla.com.br/.
Veja Mais

Parque Tecnológico estuda missão internacional ao Vale do Silício

Data: 15/01/2020

O presidente do PTS (Parque Tecnológico de Sorocaba), Roberto Freitas, segue empenhado no processo de internacionalização de empresas. Ele quer abrir as portas do mercado exterior às startups que estão instaladas no Parque, além de outras da Região Metropolitana.
Veja Mais

Programa de Aceleração de Startups Digitais está com inscrições abertas

Data: 09/01/2020

O Parque Tecnológico de Sorocaba, SEBRAE e parceiros integrantes do ecossistema inovador da região, realizarão a quarta edição do Startup SP, programa de desenvolvimento de startups, com a metodologia do Sebrae-SP que oferecerá capacitação e mentorias gratuitas para startups digitais. As inscrições para participar da seleção já estão abertas e devem ser feitas até 31 de janeiro.
Veja Mais

PTS avança na discussão do processo de internacionalização de empresas

Data: 07/01/2020

O processo de internacionalização de empresas é um dos focos do PTS (Parque Tecnológico de Sorocaba) para este ano. Assim, na tarde desta segunda-feira (6), representantes do IBREI (Instituto Brasileiro de Desenvolvimento de Relações Empresariais Internacionais) estiveram na cidade para tratar do tema. A proposta é organizar, em Sorocaba, um evento que visa mostrar às startups incubadas no Parque Tecnológico e outras da região as maneiras de se fazer negócios com o mercado externo.
Veja Mais

Presidente do PTS vai a Brasília reivindicar a construção de um campus do IFSP em Sorocaba

Data: 11/12/2019

O presidente do PTS (Parque Tecnológico de Sorocaba), Roberto Freitas, esteve em Brasília, na tarde desta quarta-feira (11), em reunião no Ministério da Educação, para solicitar a construção de um campus do IFSP (Instituto Federal de São Paulo) na cidade.
Veja Mais

Parque Tecnológico é sede do evento que vai tratar as cidades inteligentes

Data: 04/12/2019

A partir das 9h desta sexta-feira (6), o PTS (Parque Tecnológico de Sorocaba) recebe representantes das prefeituras da Região Metropolitana de Sorocaba, deputados, autoridades e o secretário de Habitação do Estado de São Paulo, Flávio Amary, para um evento que vai tratar das cidades inteligentes.
Veja Mais

Startup incubada no PTS é selecionada para participar de feira em Abu Dhabi

Data: 05/12/2019

A SensaIOTech, startup que está incubada no PTS (Parque Tecnológico de Sorocaba) há um ano e meio, foi selecionada para participar da Agriscape, feira de tecnologia voltada ao agronegócio, que será realizada em Abu Dhabi, Capital dos Emirados Árabes Unidos, na próxima segunda (9) e terça-feira (10).
Veja Mais

Formulário de Inscrição
Evento
EVENTO:
DATA: